Clean label, o que estamos alimentando? Clean Label what are we feeding?

Certa vez eu trabalhava para certa empresa que queria fazer um seminário sobre “Clean Label”. Decidimos então convidar uma especialista sobre o tema aditivos alimentares e toxicologia para palestrar.

Em uma conversa pelo telefone eu disse a ela o objetivo deste evento que era promover os “aditivos” /ingredientes naturais que substituem os aditivos artificiais.

Essa cientista sênior então me respondeu: Eu adoraria participar deste evento, mas eu passei a minha vida toda estudando os aditivos artificiais e eu nunca achei uma evidência de que eles causassem algum dano à saúde, como eu vou poder te ajudar?

Aquela conversa por telefone me trouxe de volta aos meus ideais e aquilo que eu acredito como engenheira de alimentos e mestre em nutrição.

Ha 2 anos eu decidi mostrar a ciência nas redes sociais e nadar contra a maré do “TERRORISMO NUTRICIONAL” em que tudo faz mal e tudo te mata.

Neste vídeo (clique aqui) eu explico as pessoas de uma forma simples e fácil como são aprovados os aditivos alimentares para serem usados nos alimentos e porque eles não causam nenhum dano à saúde.

E este é apenas um dos conteúdos que eu tento traduzir de forma fácil para o consumidor.

A tendência ela e gerada pela demanda do consumidor, e hoje podemos observar uma corrida desenfreada pelo “Clean Label” mas, nos esquecemos que quem tem a informação e educação sobre o assunto somos nós profissionais da área. E é o nosso dever levar esta informação ao consumidor e educá-los ao invés de aterrorizá-los.

Relembrei e quis compartilhar este evento da minha carreira com vocês para perguntar a vocês:

O que nós enquanto indústria, profissionais da saúde, engenheiros, cientistas de alimentos estamos alimentando? A tendência ou a educação e informação pautada no conhecimento científico?

ENGLISH…………………………………………………………………………………………………………………….

I once worked for a company that would like to hold a seminar about “Clean Label”.
We then decided to invite a specialist on the topic of food additives and toxicology to talk about it at the event.
During our phone call, I told her what would be the aim of this event which was to promote natural ingredients or natural additives. This senior scientist replied: I would love to participate in this event, but I feel like I can’t because I spent my entire life researching food additives and I never found 1 single piece of evidence that this would have any harmful effect, How will I help you?


That phone call was memorable for me and it brought me back to what I believe as a food engineering and Nutrition Mestre.


Since 2 years ago, I decided to show the science of food on social media and fight against the Nutri terrorism we are living in which everything is bad for you or harmful to your health.
In this video I explain in an easy way why additives are harmless and how are they approved. This is just one of my content in which I try to bring information in an easy way to consumers.


The trend is generated by consumers and today we can observe a spotlight on the “Clean Label” trend but, who has the education and knowledge it’s us, food/ health professionals. It’s our duty to educate consumers and not to terrify them.


I just remind of this episode of my life and shared it with you today to ask you:
What is the food industry, health professionals, food scientists, engineering, and nutritionist encouraging? Is the trend or education based on science?

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: